Lutadora brasileira faz sucesso nos tatames pelo mundo

Gezary Matuda vive no sul da Flórida e já conquistou cinco títulos mundiais

0
5873
Gezary Matura (Foto: Reprodução/Facebook)

Quem vê a brasileira Gezary Matuda, de 32 anos, sem estar vestida com seu kimono e sua faixa preta de jiu-jitsu, jamais falaria que a jovem doce e de estatura baixa tem cinco títulos de campeã mundial da luta marcial. O sobrenome japonês ela herdou do pai e o gosto pela luta a curitibana tomou aos 17 anos.

De lá para cá, hoje ela está com 32 anos, foram muitos treinos e muita luta. Ela fala sobre seu amor pelo esporte. “O jiu-jitsu é um esporte conhecido como a arte suave, não importa seu tamanho, se você é homem ou mulher, ou qual é a sua idade, o jiu jitsu é para todos. É um esporte que requer uma atividade mental tão grande quanto física. É onde eu encontro o equilibrio do meu corpo e mente. Se você está em busca de saúde, boa forma, auto defesa e disciplina, o jiu-jitsu é uma excelente opção”, afirma a lutadora.

Gezary integra a equipe da American Top Team e é treinada pelo conhecido e consagrado campeão de jiu-jitsu Ricardo Libório. Além dos campeonatos mundiais, ela já foi três vezes campeã panamericana, venceu uma competição em Los Angeles e, recentemente, voltou da Europa com outro títulos. “São eventos em que a regra é diferente, não tem pontos, são 20 minutos e só ganha quem finalizar”, explica a atleta que treina duas horas por dia jiu-jitsu e faz preparação física três vezes por semana.

Em sua rotina diária, a atleta treina toda manhã, dá aulas de jiu-jitsu para crianças à tarde e à noite treina novamente ou faz preparação física. A alimentação, claro, é sempre balanceada. “Se eu tenho um tempo livre gosto de ir a praia”, diz.

A atleta hoje está voltada para as aulas e em seminários que ela ministra. Em janeiro de 2016, ela começa a treinar pesado para disputar o Panamericano em março na Califórnia. Ela é casada com o também brasileiro e lutador Katel Kubs que foi quem a trouxe para os Estados Unidos há quatro anos. “Nós nos conhecemos no tatame, treinando jiu-jitsu há 10 anos, e essa é a nossa vida. Ele me treina e pega pesado sim, como ele diz, é treino de campeã e ele sempre está comigo nas competições”.

Uma dica para quem quer ingressar no esporte: “Primeira dica é  procure uma academia com profissionais qualificados. Seja dedicado, disciplinado e faça tudo com amor e nunca desista dos seus sonhos. E os resultados irão aparecer”, finaliza. Quem quiser saber mais sobre a carreira da atleta, ver fotos ou fazer contato ela tem uma página no Facebook com seu nome ou envie um email para katelkubis@hotmail.com.