Menino de um ano morre vítima de bala perdida no Rio

Criança foi atingida na cabeça; carro dos pais teria sido confundido com facção rival

0
2144
Carro com a marca do tiro
Carro com a marca do tiro

DA REDAÇÃO (com G1) – Um bebê de um ano e dois meses morreu após ser baleado em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, no fim da noite de segunda-feira (16). Juan Rodrigues Morales foi atingido na cabeça, dentro do carro da família, pouco depois de ter, junto com parentes, saído de uma festa. A criança chegou a ser levada para o Hospital e Clínicas de São Gonçalo, mas não resistiu aos ferimentos.

No veículo, modelo Sandero de cor vermelha, estavam, além da criança, os pais do menino, a avó e uma adolescente de 14 anos, irmã dele. Juan estava no banco de trás. De acordo com a Polícia Civil, o projétil teria entrado pela parte traseira do carro, atravessado a cabeça da vítima e chegou a perfurar o painel frontal do veículo.

Parentes do menino relataram aos policiais que o carro da família, conduzido pelo pai da vítima, teria freado, após achar estranho um outro veículo, de cor cinza, seguir em seu encalço. Os criminosos, então, fizeram um disparo.

O Sandero estava equipado com uma película de cor escura. Conforme informações preliminares da Polícia Civil, e os bandidos podem ter confundido o carro da família com um veículo descaracterizado da polícia ou até mesmo pertencente a criminosos de facções rivais. Isso porque não houve abordagem, por parte dos integrantes do bando e, além disso, o fato de ter sido disparado apenas um tiro não caracterizaria, a princípio, uma execução.

Os pais contaram ainda aos agentes que ouviram o disparo que atingiu o menino, mas, na ocasião, não havia tiroteios na região. Juan foi ferido a cerca de 100 metros da festa de onde a família havia saído.

O caso está sob a investigação da Divisão de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí. Segundo o delegado Tiago Dorigo, uma perícia preliminar já foi realizada. De acordo com ele, o que foi apurado até o momento pelos agentes é compatível com o depoimento dado pelos pais da vítima.

Previous articleBottle-share: uma ideia digna de compartilhar
Next articleHumor
Fundado em outubro de 2000, o AcheiUSA Newspaper é um jornal semanal em português distribuído gratuitamente por centenas de estabelecimentos comerciais brasileiros, americanos e hispânicos, espalhados pelo estado da Flórida. Com notícias locais, imigração, cultura, agenda de eventos, cobertura social, negócios e a maior seção de anúncios classificados grátis em português fora do Brasil, o AcheiUSA é o mais completo e popular portal para os brasileiros vivendo nos Estados Unidos.