Polícia prende dois homens que confessaram o assassinato de estudante em Miami-Dade

Namorado da jovem também foi baleado, mas sobreviveu; jovens foram até o encontro dos dois suspeitos para vender três pares de tênis que anunciaram no Facebook

0
858
George Walton (esq) e Adrian Cosby estão presos sem direito à fiança

A polícia de Miami-Dade prendeu dois homens de 19 anos que confessaram ter matado a tiros a estudante Andrea Camps e ter baleado o namorado da jovem, na terça-feira da semana passada em Southwest Miami-Dade. 

George Walton e Adrian Cosby, ambos de 19 anos, foram presos no sábado (11) e enfrentam acusações de assassinato e tentativa de homicídio, segundo informações da polícia. 

Andrea estava prestes a se formar no high school da Terra Environmental Research Institute e já estava se preparando para ingressar na faculdade de enfermagem na FIU. 

De acordo com a ocorrência policial, Sergio Berben, namorado de Andrea, vendeu pela internet três pares de tênis e foi até o local combinado para receber os $935 da venda. Ele levou a namorada e, ao chegarem ao local, Walton pediu para experimentar o calçado. Bergen disse que só deixaria que ele provasse o tênis se ele pagasse primeiro. Furioso, o comparsa de Walton sacou a arma e atirou no casal. Berben conseguiu dirigir e pedir ajuda, mas Andrea morreu no hospital.

Os acusados disseram que a intenção era roubar os pares de tênis. Os dois estão presos sem direito à fiança. (Com informações do Local10News)