Suspeito de matar brasileira é capturado em Daytona

0
627

Kris Gould será transferido para Orange County Jail

O americano Kris Gould, suspeito de ter matado a brasileira Jorgete Acarie, 43 anos, no último domingo em Orlando foi preso em Daytona. Segundo informações do Orange Sheriff Office ele foi preso por outro delito, mas como tinha um mandado de busca nos dados da policia ele foi preso e será transferido para Orange County.

Gould é o principal suspeito de assassinar a tiros a ex-namorada, a massagista brasileira Jorgete Acarie, com quem tem um filho de dois anos. Ela foi encontrada morta a tiros no domingo (26) na casa onde morava, em Orlando. Segundo informações da polícia local, Jorgete estava acompanhada do filho de dois anos, que nada sofreu. Ainda segundo dados do boletim de ocorrência da policia do condado de Orange, as autoridades da região foram chamadas 56 vezes à casa da brasileira nos últimos dois anos devido a violência doméstica envolvendo o ex-namorado,.

Gould é considerado suspeito do caso. No último dia 20 de agosto, ele teria aparecido de madrugada na casa de Acarie, mas ela não teria aberto a porta. Horas depois, ele quebrou o vidro do quarto do banheiro com um tijolo, mas a massagista chamou a polícia, e ele fugiu. Na sexta-feira (24), foi emitida uma ordem de prisão contra ele sem direito a fiança.

Ano passado, o ex-namorado chegou a ser preso mas foi solto após o pagamento da fiança de $1500. Gould foi condenado e estava em liberdade condicional sendo proibido de visitar Jorgete e o filho. No entanto, a ordem judicial não impediu que ele continuasse as investidas contra a brasileira,

O filho da brasileira foi entregue no domingo ao Departamento of Children and Families ( Departamento para Assuntos da Criança e Família – DCF). Jorgete era dona de um spa em Orlando. O website da companhia Brazilian Touch Massage mostra Jorgete como a terapeuta responsável pela empresa criada em 2008.