Imigração Notícias

Trump afirma que, caso seja eleito, vai acabar com a cidadania para bebês filhos de estrangeiros que nascerem nos EUA

Ex-presidente bateu nesta tecla inúmeras vezes enquanto presidente e voltou a mencionar uma das bandeiras de sua campanha

Trump em vídeo de campanha para 2024 (Foto Reprodução)

O ex-presidente Donald Trump disse esta semana em um vídeo publicado em suas plataformas de campanha, que quer acabar com o direito à cidadania de bebês de estrangeiros que nascerem nos EUA. Trump disse que essa medida será tomada nos primeiros dias de seu governo, caso ele seja eleito.

“Vou criar uma política para acabar com o maior incentivo para a imigração ilegal e que encoraja imigrantes a virem para os Estados Unidos. Essa cidadania automática a bebês nascidos aqui é injusta e, todos os anos, mães fazem o ‘turismo do parto’ no qual centenas de milhares de pessoas de todo o planeta vêm para os EUA para ter filhos aqui e explorarem o País”, disse o ex-presidente.

Desde a sua campanha à presidência em 2016 Trump vem batendo nesta tecla. “Somos um dos únicos países do mundo onde uma pessoa entra, tem um bebê e ele é essencialmente um cidadão dos Estados Unidos por 85 anos, com todos os benefícios. Isto é ridículo e tem que acabar”, afirmou Trump em entrevista em 2018 sobre o assunto.

O problema é que o presidente esbarra na Constituição dos Estados Unidos que é clara ao dizer: “Todas as pessoas nascidas ou naturalizadas nos Estados Unidos e sujeitas à sua jurisdição são cidadãos dos Estados Unidos”.

Share This Post:

Baixe nosso aplicativo