Vasco da Gama ainda preocupa sua torcida em sua luta para voltar à Série A

Cruzmaltino desperdiçou oportunidade de abrir vantagem na Série B ao empatar com o Londrina em casa

0
406
Andrey, a joia da base do Vasco da Gama, fez o gol de empate contra o Londrina em São Januário (Foto: Daniel Ramalho/Vasco da Gama)
Andrey, a joia da base do Vasco da Gama, fez o gol de empate contra o Londrina em São Januário (Foto: Daniel Ramalho/Vasco da Gama)

Cruzeiro é praticamente campeão da Série B ao somar 71 pontos em 32 jogos, seguido por Grêmio e Bahia, com 53 pontos e 52 pontos respectivamente em 31 partidas. Além da Raposa, tudo indica que os tricolores do Rio Grande do Sul e da Bahia devem garantir seus retornos à principal divisão do futebol brasileiro. O único clube grande que ainda vive um drama é o Clube de Regatas Vasco da Gama, que ocupa agora o quarto lugar na tabela de classificação, mas tem seu retorno à Série A ainda incerto.

Nesta quinta-feira (29), Vasco e Londrina empataram em 1 a 1, em São Januário, pela Série B. Em duelo direto na tabela, o time da casa se saiu melhor no início, abriu o placar, mas viu o Tubarão chegar ao empate ainda no primeiro tempo. O Vasco criou muitas oportunidades na segunda etapa, mas não conseguiu a vitória diante de um Londrina equilibrado, e saiu vaiado de campo. Os gols foram marcados por Andrey e Caprini.

Com o resultado, o Vasco continua na quarta posição, com 49 pontos, e manteve a distância do Londrina, quinto colocado, com 46 pontos.

Na cola, o Sport igualou os pontos do Londrina e está na sexta posição. O Ituano, com 44, ainda joga nesta rodada e pode se aproximar também.

O Vasco volta a campo na próxima terça-feira (4), no Germano Krüger, para enfrentar o Operário-PR, enquanto o Londrina vai enfrentar o Guarani, na segunda-feira (3), no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

O acesso à Série A é fundamental para o futuro do Cruzmaltino, que foi adquirido recentemente pela 777 e se transformou em uma SAF (Sociedade Anônima de Futebol). Os novos donos aguardam ansiosamente a confirmação do Gigante da Colina para definir seus planos para 2023, com a contratação de uma nova comissão técnica – Jorginho não deve continuar no comando da equipe – e investimento em jogadores mais qualificados para que o Vascão, dono da quinta maior torcida do Brasil, faça uma boa figura no Brasileirão do próximo ano.