131,300 libras de carne moída são recolhidas por suspeita de contaminação

0
598

Alimento pode conter bactéria E.coli

A processadora de alimentos Tyson Fresh Meats mandou recolher cerca de 131,300 libras de carne moída que podem estar contaminados com a bactéria E.coli O157:H7, divulgou hoje o Serviço de Segurança Alimentar e Inspeção de Alimentos do Departamento de Agricultura americano (FSIS).

Os seguintes produtos estão sujeitos ao recolhimento:

Porções de 5 libras da marca Kroger “GROUND BEEF 73% LEAN – 27% FAT,” em embalagens de 40 libras com oito porções. As embalagens têm o ‘numero de identificação de produto “D-0211 QW” e data de fabricação em 23 de agosto de 2011 e disitribuídas em Ind. e Tenn. para venda no varejo.

Porções de 3 libras da marca Butcher’s “GROUND BEEF 73% LEAN – 27% FAT,” em embalagens de 36 libras com doze porções. As embalagens têm o ‘numero de identificação de produto “D-0211 LWIF” e data de fabricação em 23 de agosto de 2011 e disitribuídas em N.C. e S.C. para venda no varejo.

Porções de 3 libras com rótulo genérico “GROUND BEEF 73% LEAN – 27% FAT,” em embalagens de 36 libras com 12 porções. As embalagens têm o ‘numero de identificação de produto “D-0211 LWI”, data de fabricação em 23 de agosto de 2011 e disitribuídas em Del., Fla., Ga., Md., Ill., Ind., Mo., N.Y., Ohio, Tenn., Texas e Wis para venda.

Os produtos sujeitos a recolhimento têm a recomendação “BEST BEFORE OR FREEZE BY” com a data “SEP 12 2011” e o número de estabelecimento “245D” escrito a tinta na embalagem. Quando estiver disponível, O FSIS vai listar em seu website www.fsis.usda.gov/FSIS_Recalls/ Open_Federal_Cases/index.asp os estabelecimentos de varejo para onde os produtos foram despachados.

O FSIS está preocupado com o fato de os consumidores congelarem os produtos antes da verificação, e aconselha aos consumidor que verifique no freezer se não há algum produto entre os com a recomendação de recolhimento e, em caso positivo, jogá-lo fora ou devolvê-lo ao local da compra.

A E. coli O157:H7 é uma bactéria perigosa, que pode causar diarréia com sangramento, desidratação e, em casos mais graves, insuficiência renal. Crianças pequenas, idosos e pessoas com o sistema imunológico fragilizado são as mais vulneráveis a doenças transmitidas através dos alimentos.

O FSIS recomenda ao consumidor que prepare com cuidado seus produtos à base de carne, fresca ou congelada. O recomendável é consumir carne moída cozida à temperatura de 160º F, para eliminar bactérias nocivas, e a única maneira de se ter certeza dessa temperatura é usando um termômetro.

Quem tiver alguma dúvida a respeito de segurança alimentar e inspeção de alimentos pode contactar Karen, a atendente virtual do FSIS, 24 horas por dia, através do website AskKaren.gov. O telefone (ligação gratuita) do USDA Carne e Frango é 1-888-674-6854 (inglês e espanhol) e atende de 10 AM às 4 PM (hora do leste), de segunda a sexta.