Aquecendo os motores na Indy 500

0
794

Brasileiros tentam repetir façanha de Fittipaldi e Castroneves

A prova mais tradicional do automobilismo mundial, as 500 milhas de Indianápolis, está marcada para o dia 27 de maio, mas o autódromo local já começou a viver as emoções da Fórmula Indy. No último fim de semana foram definidas as posições do grid de largada, que terá Helio Castroneves na pole position. Outros três brasileiros também vão participar da prova: Tony Kanaan, que largará em 2º, Vitor Meira, em 19º, e Roberto Pupo Moreno, em 31º.
A Indy 500 será disputada em 250 voltas no circuito oval de duas milhas e meia. Como os carros atingem velocidade média de 350 km/hora (a mais alta do automobilismo mundial), a duração da prova será de aproximadamente três horas. Esta será a 91° edição da corrida, que já foi vencida pelos brasileiros Emerson Fittipaldi (1989 e 1993) e Hélio Castroneves (em 2001 e 2002). Outra atração será o retorno às pistas, somente para as 500 milhas de Indianápolis, dos pilotos Michael Andretti, hoje dono de equipe, e Al Unser Jr, que já subiu ao lugar mais alto do pódio em duas oportunidades.
Para os brasileiros que pretendem assistir à corrida, uma ótima notícia: o autódromo de Indianápolis vai organizar, pela segunda vez, o Brazil Day, onde o público tem a chance participar de uma confraternização com os pilotos brasileiros da Fórmula Indy. A empresa de comunicação 500News Bureau Brasil será a responsável pela distribuição dos ingressos e pela organização do evento voltado para a nossa comunidade e pede que todos os brasileiros compareçam ao circuito vestidos de verde e amarelo.
Algumas curiosidades sobre a Indy 500:
– a primeira prova, disputada em 1911, foi vencida por Ray Harroun em seis horas, 42 minutos e 8 segundos. Em 2006, o primeiro colocado, Sam Hornish Jr., recebeu a bandeirada três horas, dez minutos e 58 segundos depois da bandeirada.
– a prova não aconteceu em dois períodos, devido às duas grandes guerras mundiais: nos anos de 1917 e 1918 e de 1942 a 1945.
– o piloto Hélio Castroneves venceu a Indy 500 em sua primeira aparição (2001) e tornou-se um dos oito estreantes na história do circuito a conseguir tal façanha. No ano seguinte (2002) conquistou o bicampeonato e em 2003 obteve a pole position, chegando em 2º lugar.
– o vencedor da prova, em vez de estourar o champanhe, bebe leite depois da bandeirada.
– quatro mulheres já participaram da prova mais charmosa do automobilismo, entre elas Danica Patrick, que cruzou a linha de chegada em 4º lugar e liderou a prova por 19 voltas.