Atlantis vai ao espaço pela última vez

0
635

NASA aposenta ônibus espaciais depois de 30 anos

Com o dramático estrondo de sempre, decolou hoje pela manhã de Cabo Canaveral, na Flórida, o ônibus espacial Atlantis, para a sua última viagem ao espaço. A nave vai somar mais 12 dias no espaço aos 293 que já passou em órbita da Terra.

Depois de seu retorno, Atlantis vai virar peça de museu no Centro Espacial Kennedy. Uma nobre aposentadoria para quem já deu 4648 voltas em torno do planeta.

“Estamos encerrando um capítulo de uma jornada que não acaba nunca”, disse a voz do controlador antes do lançamento.

A última missão da Atlantis marca um período histórico para a NASA, que pretende seguir na direção de programas mais comerciais daqui para frente. Projetado como a primeira nave espacial tripulada reutilizável, o ônibus espacial possui uma capacidade de carga de 60 pés, mas ao custo de 1 bilhão de dólares por lançamento as missões sempre foram custosas e problemáticas. O programa também pagou seu preço em vidas. Das 335 pessoas que voaram nos ônibus espaciais, 14 perderam a vida em dois graves acidentes, com as naves Columbia e Challenger.

Nesta última missão, a Atlantis leva um ano de suprimentos para a Estação Espacial Internacional. A carga inclui desde telefones celulares até uma nova bomba de amônia para substuir uma defeituosa. A nave também vai testar um novo sistema robotizado de reabastecimento, projetado para experimentar novas ferramentas e tecnologias para reabastecer satélites em órbita. A missão vai durar 12 dias e quatro astronautas estão a bordo da nave.