Brasil goleia a Turquia e exorciza fantasma da Copa

0
709

Time de Dunga vem acumulando vitórias há cinco jogos consecutivos

DA REDAÇÃO COM UOL

Brasil goleia a Turquia e exorciza fantasma da CopaJogando em Istambul, casa do adversário, a seleção da Turquia, a Seleção Brasileira marcou na quarta-feira (12) uma goleada no oponente, limpando a barra do time, que andava razoavelmente suja após as más atuações na Copa do Mundo e o histórico vexame da derrota por 7 a 1 para a Alemanha.

Os 4 a 0 aplicados na Turquia no estádio Sukru Saraçoglu deram sinais, ainda que timidamente, de futebol arte. Após começo de trabalho com vitórias magras contra Equador e Colômbia (1 a 0), Dunga conseguiu dar brilho ao time. Nos últimos três amistosos, o Brasil apresentou grande volume ofensivo nas vitórias diante da Argentina (2 a 0), Japão e Turquia (ambas por 4 a 0). São cinco triunfos em cinco jogos neste retorno de Dunga à seleção, com 12 gols marcados e nenhum sofrido.

No amistoso de quarta-feira, os torcedores turcos ensaiavam protestos contra seu próprio time durante a partida, mas perceberam que valeria mais a pena exaltar a espetacular apresentação da equipe brasileira. Neymar fez dois belos gols e foi ovacionado de pé pela torcida adversária. Principal nome da seleção atual, teve seu nome gritado em coro no estádio. Até quando sofreu falta, viu seu algoz ser vaiado, tamanho o furor que causou.

Outro destaque foi Willian, com participação na goleada, com direito a gol e um elástico em que deixou dois adversários. Já na defesa, Miranda e David Luiz novamente deram solidez ao setor.

Em entrevista, Dunga tentava explicar o segredo do sucesso à frente do time. “É questão de organização, de aproveitar as características dos jogadores e entender o quanto importante é nós sermos organizados e participativos. Sem a bola, é preciso saber se posicionar. E com a bola, usar as jogadas treinadas. É preciso tentar equilibrar essas duas funções”, disse o treinador.

A próxima partida da seleção, a última dessa temporada, será contra a Áustria, em amistoso marcado para 18 de novembro em Viena.