Brasil pode ter só um piloto na Fórmula 1 em 2012

0
819

Com o fim da temporada 2011 da Fórmula 1, três pilotos brasileiros ainda brigam por vagas na categoria para o ano que vem. Bruno Senna, Rubens Barrichello e Luiz Razia ainda não sabem se farão parte do grid em 2012. Se nenhum dos três conseguir um assento, será a primeira vez desde 1971 que só um piloto do Brasil Felipe Massa participará de uma temporada da categoria.

Em 1971, Emerson Fittipaldi conquistou três pódios e terminou o campeonato na sexta colocação. A partir daí, sempre pelo menos dois brasileiros participaram de ao menos uma corrida na temporada.

O número de vagas abertas na Fórmula 1 diminuiu quando Kimi Raikkonen foi confirmado como titular da Lotus Renault para a temporada 2012. O anúncio, em tese, foi ruim para Bruno Senna, que terminou o ano como titular da escuderia e ainda briga por um assento. Para conseguir a vaga, o brasileiro terá de desbancar o francês Romain Grosjean, o finlandês Heik-ki Kovalainen, o russo Vitaly Petrov e seu compatriota Rubens Barrichello, que também lutam pelo assento restante na Lotus Renault.

Por falar em Rubinho, o piloto pode receber de maneira positiva a contratação de Raikkonen. Isso porque a Williams equipe em que Barrichello terminou o ano – também tinha interesse no finlandês. Por isso, o brasileiro terá um rival a menos se quiser continuar na escuderia. Por enquanto, no entanto, ele segue com a situação indefinida.

Por fim, outro brasileiro que tem chance de começar 2012 como titular é Luiz Razia. Neste ano, ele foi reserva da Team Lotus, equipe que só tem Jarno Trulli confirmado para a próxima temporada. Se o outro titular da equipe, Heikki Kovalainen, acertar com a Lotus Renault, o caminho do baiano pode ser facilitado.