Brasileira é assassinada a tiros na Espanha

0
837

Uma brasileira de 38 anos foi assassinada hoje na cidade espanhola de Soria (centro do país) quando se dirigia a um escritório de advocacia, informaram fontes oficiais.

A vítima, identificada apenas pelas iniciais de seu nome, R.C.S.A., morreu ao ser atingida por disparos de uma escopeta de cano curto, feitos de um veículo 4×4.

O crime ocorreu por volta das 10h55 (7h55 de Brasília) na Rua San Juan de Rabanera, perto da Plaza Mayor de Soria, onde a polícia encontrou um único cartucho de escopeta, informou em entrevista coletiva o subdelegado do governo regional, Germán Andrés.

A investigação se concentra no ex-marido da vítima, do qual ela havia se divorciado recentemente. Eles se casaram em 2001, quando ela obteve a nacionalidade espanhola. O casal tinha um filho de cinco anos.

O ex-marido da vítima, de 49 anos, é morador de Soria e natural de um povoado da Província.

Segundo fontes do governo regional, não há registro de nenhuma denúncia relacionada ao casal nem autuação judicial que aconselhasse o afastamento dos cônjuges como medida preventiva.

Se o caso for confirmado como sendo de violência doméstica, a brasileira assassinada hoje seria a terceira vítima mortal deste tipo de crime neste ano na Espanha e a segunda de origem latino-americana.

No último dia 21, foi registrado o primeiro caso, quando uma mulher de 41 anos morreu na Província de Ciudad Real (centro do país) nas mãos de seu ex-marido, que depois se suicidou.

Outra mulher, uma equatoriana, também foi assassinada por seu marido no sábado passado na cidade mediterrânea de Palma de Mallorca. O homem que a acompanhava em sua casa também foi morto.