Brasileiro é acusado de participar de esquema de casamento falso

0
891

Da Redação com the Sun News – O empresário brasileiro Fernando Gomes, residente de Myrtle Beach (GA), está sendo acusado de ter planejado o casamento falso realizado entre o americano Eric Emond e a russa Ekatrina Bagrova, em 2006. Os dois se divorciaram assim que ela recebeu a cidadania americana.

Fernando Gomes, um empresário do ramo de construção e conhecido na comunidade brasileira, não compareceu à audiência com o juiz no dia 8 de janeiro deste ano. O advogado dele afirmou em corte que não teria conseguido encontrar o brasileiro.

O advogado afirmou que seu cliente é inocente das acusações de organizar, executar e liderar um esquema de fraude em casamentos que teria o objetivo de regularizar a situação imigratória da russa. Bagrova também não compareceu à audiência. Ela enviou um advogado para se declarar inocente.

Segundo o jornal The Sun News, uma outra envolvida no caso, a ex-corretora de imóveis Cristina Hursh e o americano Eric Emond teriam pago $25 mil cada um para responder o processo em liberdade.

Cristina e Fernando foram testemunhas na imigração afirmando que o casamento da russa com o americano era ilegítimo. Segundo dados do processo judicial, eles teriam recebido dinheiro da russa para realizar o testemunho, mentindo para os oficiais de imigração acerca do relacionamento fictício dos acusados.

Cada um dos quatro acusados envolvidos no esquema pode responder na justiça por conspiração, fraude, falso testemunho junto a autoridades e, se condenados, podem pagar multa de $250,000 e até cumprir pena de pelo menos cinco anos de prisão.