Brasileiro é acusado de tentativa de assassinato em NY

0
677

Rafael Rabinovich assaltou uma joalheria em Manhattan, mas foi detido por seguranças

Mais um brasileiro foi notícia na imprensa americana: o jovem Rafael Rabinovich, de 20 anos, está sendo acusado formalmente de tentativa de assassinato, depois de ter assaltado uma joalheria e disparado tiros contra os seguranças da loja. O incidente ocorreu em New York, num dos pontos mais nobres de Manhattan – o lobby do hotel Waldorf Astoria, na Park Avenue.

Rafael foi preso em flagrante. No momento dos tiros, a recepção estava cheia de hóspedes e muitos se jogaram no chão ao ouvir o disparo. “O barulho parecia o de uma bomba e eu vi as pessoas correndo”, descreveu Christine Cataldo, de Long Island. Minutos antes, o brasileiro usou a arma para quebrar os displays que continham valiosos anéis e colares. Segundo o boletim de ocorrência, três tiros foram disparados.

O segurança atingido no peito, o policial aposentado Gregory Boyle, de 54 anos, foi levado para o Bellevue Hospital, mas os médicos afirmaram que o seu estado de saúde é estável. Boyle e Rafael, que mora em Queens, chegaram a se envolver em uma luta corporal, no chão do hotel. Em caso de condenação, o brasileiro pode pegar até 15 anos de prisão.