Brasileiro é cremado e cinzas serão levadas para o Brasil

0
529

Altamiro Silva tinha família no interior do estado de Minas GeraisO corpo do brasileiro Altamiro Silva, de 55 anos, será cremado na sexta-feira (4) e enviado ao Brasil na próxima semana. Ele foi encontrado morto dentro do banheiro na casa em que alugava um quarto na cidade de Lafayette (LA) na manhã de terça-feira (24). A família só encontrada com ajuda das redes sociais na quinta-feira (26), no interior de Minas Gerais.

De acordo com Thiago Silva, ex-patrão de Altamiro, ele trabalhava há um ano e meio na sua empresa na área de construção civil. A família autorizou a cremação essa semana e Thiago se ofereceu para bancar todas as despesas. “É o mínimo que podíamos fazer em uma situação com essas”, disse.

Segundo amigos, que ajudaram nas buscas pela família, Altamiro falava pouco sobre seus parentes. O brasileiro alugava um quarto em casa com uma família hispânica. No dia 24 de outubro, um membro da família tentou abrir a porta do banheiro e percebeu que estava trancada, quando arrombou viu que mineiro estava morto dentro da banheira. A causa da morte não foi identificada.