Brasileiro é eleito para o Tribunal de Haia

0
441

Antônio Augusto Cançado Trindade será o quinto do país na mais alta corte das Nações Unidas

Antônio Augusto Cançado Trindade foi eleito juiz da Corte Internacional de Justiça (CIJ), para um mandato de nove anos, a partir de 2009. Ele será o quinto brasileiro a integrar o corpo de juízes do principal organismo judiciário das Nações Unidas. Antes dele, já ocuparam a função os Doutores Francisco Rezek (1996-2006), José Sette Câmara (1979-1988), Levi Fernandes Carneiro (1951-1955) e José Philadelpho de Barros e Azevedo (1946-1951).
Cançado Trindade é professor de Direito Internacional Público na Universidade de Brasília. Ele recebeu o apoio de 163 membros da Assembléia Geral da ONU, tendo sido o candidato mais votado. No mesmo ano também vão ingressar no Tribunal de Haia outros quatro magistrados – da França, Grã-Bretanha, Jordânia e Somália. Ao todo são 15 juízes nessa Corte, todos de nacionalidades distintas.
No início do ano, Cançado Trindade chegou a disputar a vaga de candidato com a ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Ellen Gracie.