Brasileiro morre depois de ser agredido em Miami

0
683

Lisney Oliveira levou um soco e bateu com a cabeça na calçada

O brasileiro Lisney Oliveira, de Boca Raton, morreu na madrugada da última segunda-feira depois de ser agredido na saída de uma boate de Miami. Segundo o boletim de ocorrências, ele foi atingido por um soco na nuca, por um homem que havia lhe pedido cigarro momentos antes e, ao cair, bateu com a cabeça na calçada. Lisney chegou a ser levado inconsciente para o Centro de Trauma do Memorial Hospital, onde faleceu.
As imagens da agressão foram captadas por câmeras de segurança e a polícia descreveu o suspeito do assassinato como um homem negro que vestia jeans e camisa escura e estava com uma mochila nas costas. O irmão de Lisney, Carlos Oliveira, disse que a família está muito abalada com o fato. Lisney era fotógrafo e modelo e em sua página do Orkut os amigos prestaram-lhe as últimas homenagens. “Não consigo acreditar na forma em que você nos deixou. Você já está fazendo muita falta”, disse uma colega em um recado pela Internet.
Na mesma segunda-feira, uma missa rezada na Igreja Católica de Margate foi consagrada à memória do jovem brasileiro, que era mineiro de Uberlândia e tinha apenas 26 anos.