Brasileiros se destacam na Libertadores

0
725

Os clubes brasileiros que estão na Copa Libertadores 2008 não devem ter problemas para passar à próxima fase da competição. São Paulo, Flamengo, Santos, Cruzeiro e Fluminense já podem começar a pensar nos futuros adversários, pois se destacaram até agora na disputa sul-americana.

A rodada dessa semana foi extremamente favorável para o Flamengo, por exemplo, que estava ameaçado: sem se preocupar com a altitude de Cuzco, no Peru, o time derrotou o Cienciano por 3 a 0 e conseguiu a vaga com uma rodada de antecedência. A equipe carioca agora é a líder do grupo 4 com dez pontos, um a mais que o Nacional, do Uruguai.

Já o Fluminense entrou em campo na noite de quarta-feira já classificado e enfrentou um time reserva do Arsenal (Argentina). No entanto, o Tricolor jogou mal e foi derrotado por 2 a 0, perdendo a invencibilidade na Taça Libertadores. Menos mal que o time de Renato Gaúcho segue líder do grupo 8, posição que pode ser confirmada no último jogo da fase, contra a LDU.

O Santos foi outro que perdeu na rodada desta semana, mas está em situação tranqüila. Com sete pontos, pega na última rodada o Cúcuta, já classificado, necessitando apenas de uma vitória simples, em casa, para garantir presença na próxima fase. Aliás, a equipe da Baixada Santista pode se classificar até mesmo perdendo a partida, dependendo do resultado da outra partida do grupo 6, entre San José x Chivas.

Quem não pode reclamar também é o São Paulo, que enfrenta, na última rodada o Atlético Nacional em casa, no Morumbi. O grupo 7 acabou se revelando o mais equilibrado da competição continental, mas o clube paulistano pode até terminar a primeira fase com a melhor campanha no geral.

A situação mais confortável, porém, ainda é a do Cruzeiro, que na última rodada venceu os argentinos do San Lorenzo por 3 a 1, em Ipatinga. Além de ter o artilheiro da competição, Marcelo Moreno, o clube mineiro garantiu vaga nas oitavas-de-final como primeiro da chave 1 com uma rodada de antecedência. O próximo compromisso é contra o lanterna Real Potosí, da Bolívia, num autêntico amistoso.
Os 12 times classificados enfrentam, a seguir, a fase do mata-mata, com partidas de ida e volta, eliminatórias. É aí que os clubes brasileiros vão ter que mostrar serviço e tentar reconquistar o título, que está nas mãos do Boca Juniores.