Cantor inglês critica imigrantes

0
764

O coro contra imigrantes ganhou uma voz no mundo artístico. O cantor Morrissey, ex-líder da banda The Smiths, que fez muito sucesso na década de 80, disse em entrevista à revista britânica ‘NME’ de que não pode viver em uma Inglaterra atingida por uma “explosão de imigrantes”. Morrissey, que agora mora em Roma (Itália), acrescentou que “a Inglaterra jogou a identidade dela fora”, pois ao andar pelas ruas não se ouve mais o sotaque inglês.
Esta não foi a primeira vez que o cantor, de 48 anos, alfinetou os imigrantes. Em duas de suas músicas, ‘National Front Disco’ e ‘Bengali in Platforms’, ele já havia demonstrado o seu lado racista, com frases como “a Inglaterra para os ingleses”. O curioso é que Morrissey é filho de imigrantes irlandeses.
Na reportagem, antes da entrevista, o jornalista da publicação alerta que as idéias de Morrissey não traduzem o pensamento da revista. “Ele pode já ter sido a voz de uma geração, mas pelos comentários dele nesta entrevista, ele certamente não está falando por nós agora”, advertiu a edição.