Ceni destaca torcida e exalta Ganso

0
558

Goleiro se recuperou de um trauma no pé direito e foi decisivo na vitória são-paulina por 2 a 0 diante do Atlético-MG

O São Paulo mostrou a raça e determinação que precisava para vencer o Galo por 2 a 0, nesta quarta-feira (17), no estádio do Morumbi, e se classificar às oitavas de final da Copa Libertadores. O goleiro Rogério Ceni, que ficou fora de treinamentos para se recuperar de um trauma no pé direito, enalteceu bastante a vitória.

“Passou um filme, aliás, diariamente passa um filme do último jogo. Não que deverá ser, será o último ano da carreira. Esse é o clube da fé, onde a moeda cai de pé. Dois caras levaram hoje, o torcedor e o camisa 8, que substituiu o Jadson. Pode dar a batuta para ele, jogou muito”, declarou o capitão, que enalteceu os mais de 50 mil torcedores que foram ao estádio.

O goleiro Rogério Ceni sentiu um trauma no pé direito quando chocou-se com Alexandre Pato, no Majestoso do dia 31 de março. Desde então, tem feito tratamento para se recuperar. Contra o The Strongest (BOL), atuou no sacríficio e, nesta quarta-feira (17), provou que está bem ao bater o pênalti com o pé direito.

Após o gol, o camisa 1 foi bastante abraçado pelos companheiros e, depois do apito final, comemorou a classificação. O goleiro sabe que o time estava atuando abaixo do rendimento esperado mas, com a superação, pôde voltar a exibir um bom futebol dentro de campo.

“Parabéns ao meu time, não tiramos o peso das críticas, porque realmente jogamos abaixo do esperado nos outros jogos, mas o São Paulo foi o São Paulo hoje”, completou o goleiro tricolor.

Agora as duas equipes voltam a enfrentar-se na fase das oitavas de final, porque o Atlético-MG, apesar da derrota, fez a melhor campanha na fase de classificação e vai enfrentar o pior classificado desta fase, ou seja, o próprio São Paulo. O primeiro jogo será disputado no Morumbi, em São Paulo, e a segunda partida será realizada no Estádio Independência, em Belo Horizonte.