Concorrente brasileiro para integrar Oscar 2015 chega à Flórida

0
661

“Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” estreou esta semana em Fort Lauderdale

DA REDAÇÃO

DIVULGAÇÃO
Fabio Audi e Guilherme Lobo estrelam o longa-metragem

Fabio Audi e Guilherme Lobo estrelam o longa-metragem

O longa-metragem brasileiro “Hoje eu quero voltar sozinho”, visto por mais de 200 mil espectadores nos cinemas brasileiros, anunciado, pela Ancine, recentemente como o filme brasileiro que disputará uma vaga na categoria de melhor filme estrangeiro à próxima edição do Oscar, começa a ser exibido no sul da Flórida. Distribuído nos Estados Unidos pela Strand Releasing, o filme estreou em Los Angeles e Nova York dia 07 de novembro sob o título “The Way He Looks” e está sendo exibido no Cinema Paradiso em Fort Lauderdale (503 (SE 6th St, Fort Lauderdale, FL 33301). Em Miami, o filme estará em cartaz em O Cinema em Miami Shores (9806 NE 2nd Ave, 33127) e no dia 5 de dezembro chega à Boca Raton no Living Room Theatres (Florida Atlantic University, 777 Glades Rd, Boca Raton, FL 3343).

O filme, que já ganhou diversos prêmios internacionais, conta a história de um adolescente cego que se apaixona por um colega. A saga tem início com três adolescentes terminando as férias, hormônios à flor da pele, dúvidas, anseios e expectativa para o próximo ano. Esse é o roteiro do longa de Daniel Ribeiro que teve como embrião o curta Eu Não Quero Voltar Sozinho (mais de três milhões de visualizações). Leonardo (Ghilherme Lobo) e Giovana (Tess Amorim), amigos de infância, estão à beira da piscina e se preparam para o regresso à vida escolar.

Eis que surge Gabriel (Fabio Audi), aluno novo que chega do interior. A partir daí, a relação entre Leo e Giovana é alterada. Ela sente, fica enciumada com a entrada de uma pessoa na sua relação tão íntima e genuína com o Leo. Ele, o protagonista do filme, que é cego, tenta, por sua vez, levar a vida de maneira tranquila e não entende as tantas limitações e dificuldades que sua mãe lhe impõe. Ele pensa até em fazer intercâmbio para poder sair um pouco de casa, mas até mesmo para ir ao acampamento da escola, ele tem que conversar com os pais e convencê-los do seu desejo.

Ribeiro resume a origem dessa história: “Minha ideia era falar de um garoto que nunca tivesse visto um homem ou uma mulher – e que se apaixonasse por um cara. E então achei que tirar a visão do personagem seria um bom artifício para falar justamente dessa questão de como acontece a atração e o interesse por outra pessoa – sendo cego, outras sensações e sentimentos ganhariam força”, afirma o diretor Daniel Ribeiro.

“Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” foi lançado no Brasil em 10 de abril, pela Vitrine Filmes, nacionalmente. Após a ótima recepção de público e crítica no Festival de Berlim, o filme também assegurou a distribuição em 14 países / oito territórios, como Estados Unidos, França, Alemanha, Itália e Reino Unido.