Confiança do consumidor americano em queda

0
740

Índice ficou abaixo do esperado, principalmente por conta do mercado de trabalho

O aumento do desemprego nos Estados Unidos é a principal causa para a deteriorização da confiança do consumidor americano na economia. O índice, medido através de pesquisas em todos os estados pelo instituto Conference Board, ficou em 47,7, inferior aos 53,4 de setembro. A diretora da entidade, Lynn Franco, observou que as condições do mercado de trabalho tiveram um papel marcante na avaliação menos favorável da população. Dos componentes do indicador, o Índice da Situação Presente caiu para 20,7 e o de Expectativas declinou para 65,7, depois de marcarem, respectivamente, 23 e 73,7 em setembro. O levantamento considera um universo de 5 mil consumidores nos Estados Unidos.