Confiança do consumidor registra queda no começo de dezembro nos EUA

0
714

A confiança do consumidor americano na economia dos EUA registrou retração nos primeiros dias de dezembro, para 90,2 pontos, informou nesta sexta-feira a Universidade de Michigan.

O dado divulgado hoje ficou abaixo do resultado de novembro, que foi de 92,1 pontos. A pontuação do início deste mês também ficou abaixo do previsto pelos analistas, que esperavam uma quena menor, para 92 pontos.

O componente do índice referente à avaliação da atual situação econômica americana subiu para 108,2 pontos no início deste mês, contra 106 pontos em novembro. Já o indicador referente à situação nos próximos meses caiu para 78,6 pontos, contra 83,2 de novembro.

A expectativa dos consumidores americanos quanto à inflação no país manteve-se inalterada: 3% no ano, mesmo índice apurado em novembro. O Federal Reserve (Fed, o BC americano) considera 2% como o índice “confortável” para a inflação anual no país.

O índice de confiança do consumidor referente a novembro apurado pelo instituto americano privado de pesquisa Conference Board também apresentou queda, para 102,9 pontos (contra 105,1 de outubro) devido às preocupações sobre o mercado de trabalho.

Hoje, no entanto, o Departamento do Trabalho informou a criação de 132 mil empregos no mês passado, superando em muito o resultado de outubro, 79 mil (dado revisado).

Dados sobre consumo e expectativas do consumidor são acompanhados com atenção por analistas nos EUA, uma vez que cerca de 70% da economia do país é movimentada pelo consumo.