Crescimento de Dilma nas pesquisas faz oposição se mexer

0
559

PSDB admite antecipar lançamento de candidatura

Amparada pela exposição excessiva, a candidata do governo à sucessão presidencial, a ministra Dilma Roussef (Casa Civil), está crescendo nas pesquisas. Com isso, a oposição já começa a repensar sua estratégia para 2010: os caciques dos partidos DEM, PSDB e PPS acreditam que podem pressionar o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), a definir sua pré-candidatura ao Planalto o mais cedo possível.

“É melhor assumir logo isto”, aconselhou o deputado Rodrigo Maia (RJ), presidente do DEM, que acredita que Dilma irá subir ainda mais nas pesquisas a partir do dia 10 de dezembro. Embora ninguém tenha descartado o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, como alternativa da oposição na corrida presidencial, o alvo das cobranças é Serra porque ele é quem mais resiste a assumir logo a condição de pré-candidato e por liderar as pesquisas.

Na última pesquisa de opinião, Dilma já aparece com 21,7% das intenções de voto, a apenas 10 pontos porcentuais de Serra, que tem hoje 31,8% do eleitorado.