Cruzeiro vai jogar nos EUA

0
502

Partida será contra o Revolution, em Boston. Expectativa é para público superior a 35 mil pessoas

Atenção torcida brasileira, em especial aos numerosos cruzeirenses espalhados pela América. O time do Cruzeiro, campeão mineiro de 2009, vai jogar nos Estados Unidos em 2010, contra a equipe do New England Revolution, que este ano disputou o playoff da Major Soccer League, a liga profissional americana. O jogo será entre junho e julho, em data a ser determinada, diante de um público superior a 35 mil pessoas.

A iniciativa é da empresa New Creation Sporting, dos empresários Daniel Gomes e Geraldo Magela. Eles são os representantes do clube brasileiros aqui nos EUA e no Canadá, e depois de negociações com a diretoria do Revolution já anunciaram a novidade para a nossa comunidade. O patrocínio é da Brazil Shuttle Transportation. Não estão descartadas partidas na Flórida e em Toronto, além da ida do time americano para o Brasil.

Esta não é a primeira vez que um clube brasileiro vem jogar nos Estados Unidos: em 1997, o Palmeiras, do então técnico Felipão, enfrentou o mesmo Revolution e venceu a partida por um a zero, gol de Euler. “desta vez, porém, a festa será ainda maior, não penas pela presença do Cruzeiro, que tem muita torcida aqui, mas também por causa das novidades que estamos preparando”, adiantou Daniel Gomes, lembrando que a seleção brasileira levou mais de 57 mil pessoas no mesmo Gillette Stadium, em Boston, há alguns meses.