Delegacia de Broward investiga mais irregularidades nas prisões

0
556

Depois da prisão de três agentes penitenciários de Broward na semana passada, acusados de levar para dentro das prisões produtos proibidos, as autoridades do Condado agora desconfiam que o esquema envolve muito mais gente. De acordo com as investigações, os detentos recebiam comida, isqueiros, celulares e até drogas. E mais: alguns tinham até tratamento especial, pois agentes da lei teriam mantido relações sexuais com prisioneiros, dentro da cela, muitas vezes em troca de dinheiro.

A Delegacia de Broward investiga a participação de outros policiais. Estamos determinados a descobrir quem mais está envolvido nesse tipo de contrabando e conduta inapropriada, revelou o porta-voz da BSO, Jim Leljedal, ressaltando que os atos dos acusados colocou em risco a segurança do sistema prisional do condado. Para prender os três agentes na semana passada, as autoridades se valeram de escutas telefônicas e depoimento de testemunhas.

De acordo com o relatório produzido pelos investigadores, um dos policiais aceitou 800 dólares para levar alguns produtos para um dos detentos. Já outro acusado teria se relacionado sexualmente com um acusado de roubo a mão armada os dois teriam trocado mensagens de texto explicitando o caso e marcando um encontro na cela.

Previous articleEntrando em 2011 em boa companhia
Next articleFrio não vai durar muito
Fundado em outubro de 2000, o AcheiUSA Newspaper é um jornal semanal em português distribuído gratuitamente por centenas de estabelecimentos comerciais brasileiros, americanos e hispânicos, espalhados pelo estado da Flórida. Com notícias locais, imigração, cultura, agenda de eventos, cobertura social, negócios e a maior seção de anúncios classificados grátis em português fora do Brasil, o AcheiUSA é o mais completo e popular portal para os brasileiros vivendo nos Estados Unidos.