Depois de recurso negado, Helinho ainda aguarda decisão do júri popular

0
451

Para piorar a situação, brasileiro foi apontado como o 8º maior sonegador dos EUA

O advogado de defesa no processo movido na justiça americana contra o piloto brasileiro Helio Castroneves por evasão de divisas e sonegação fiscal bem que tentou paralisar o julgamento, mas o recurso foi negado. Com isso, a situação do atual vice-campeão da Fórmula Indy continua indefinida, até que o júri popular chegue a um consenso.
Os jurados passaram as últimas horas tentando entender as questões técnicas e jurídicas que envolvem o caso. Helinho, sua irmã Katiuscia e seu ex-advogado Allan Muller são acusados de crime contra o fisco americano entre 1999 e 2004.
Especialistas acreditam que a sentença na Corte Federal de Miami deve sair ainda esta semana.
Para piorar a situação, o brasileiro foi listado pela revista norte-americana Time como o oitavo maior sonegadores de impostos nos Estados Unidos. Segundo informações divulgadas pela imprensa americana, Helinho deve ao fisco uma quantia superior a dois milhões de dólares. O líder do ranking é o famoso gangster Al Capone, que foi condenado a onze anos de prisão pelo crime contra o Fisco.
A lista contém ainda nomes como o do ator Wesley Snipes, a empresária Leona Helmsley e o ex-jogador de futebol americano OJ Simpson.