Djokovic é campeão da ATP após Federer alegar cansaço e desistir da final

0
1129

Sérvio de 27 anos vence competição da Association of Tennis Professionals pela quarta vez em sua carreira

DA REDAÇÃO COM FOLHA DE S.PAULO

AFP
Novak Djokovic ganhou um dos títulos mais fáceis de sua brilhante carreira

Novak Djokovic ganhou um dos títulos mais
fáceis de sua brilhante carreira

Um conflito entre duas feras do tênis, aguardado por fãs do esporte no mundo inteiro, acabou não acontecendo. Tratava-se do confronto entre o sérvio Novak Djokovic e o suíço Roger Federer na decisão das Finais da Association of Tennis Professionals (ATP).

Alegando esgotamento físico, Federer desistiu de enfrentar o rival na partida decisiva, que aconteceria no domingo (16), em Londres. Com isso, Djokovic, de 27 anos, ficou com seu quarto título da competição, que reúne os oito melhores jogadores da temporada. As três vitórias anteriores foram em 2008, 2012 e 2013. Foi a primeira vez que um tenista abdicou do direito de disputar a decisão das Finais da ATP.

No sábado (15), Federer, de 33 anos, precisou salvar quatro match points para derrotar o compatriota Stan Wawrinka por 2 sets a 1 (parciais de 4/6, 7/5 e 7/6), em duas horas e 48 minutos de partida.

“Sinto muito que não esteja em condições de jogar”, disse o tenista para o público presente na O2 Arena. “Espero que vocês compreendam.” “Fiz tudo que eu poderia. Tomei analgésicos, descansei o máximo que podia, mas eu simplesmente não teria como competir neste nível com o Novak”, afirmou o suíço. Federer participa da final da Copa Davis na próxima semana. O adversário do time suíço será a França.

Sem o jogo decisivo, os organizadores decidiram organizar uma partida de exibição entre Djokovic e o britânico Andy Murray.

Ranking
Depois desse jogo, Murray ainda se junta ao ex-jogador John McEnroe em um jogo de duplas contra Tim Henman e Pat Cash, também aposentados do circuito da ATP.

No ranking do torneio, Djokovic ficou na liderança com 11.510 pontos, contra 9.700 do suíço Federer. Já o brasileiro Thomaz Bellucci subiu uma posição e agora é o 65º colocado com 753 pontos. Outro brasileiro, João Souza, o Feijão, avançou duas colocações e está em 90º lugar, com 593 pontos.