Domingo de clássicos no futebol brasileiro

0
534

Vasco x Fla e Corinthians x Santos animam a torcida no Rio e em São Paulo

O próximo fim de semana será de muita emoção para quatro grandes torcidas do futebol brasileiro. Os campeonatos regionais se aproximam das fases decisivas e dois confrontos vão colocar frente à frente alguns dos principais pretendentes aos títulos nos torneios no Rio de Janeiro e em São Paulo.

No Carioca, Vasco e Flamengo fazem o principal jogo da rodada e se enfrentam no Maracanã, que certamente estará lotado para acompanhar a maior rivalidade do estado. As duas equipes lutam desesperadamente pela conquista da Taça Rio, para enfrentar o Botafogo – que venceu o primeiro turno – na final. O Fla vem de um resultado ruim (empate contra o ‘lanterna’ Tigres) e muitos dizem que há crise na Gávea; por outro lado, o Vasco está invicto no campeonato (foi eliminado da Taça Guanabara porque perdeu pontos por escalar um atleta irregularmente). Mesmo assim, ninguém arrisca em dizer que o clube de São Januário é favorito na partida. “O Flamengo é a melhor equipe da competição, nos números. O Flamengo é o líder da competição. É o time que mais fez pontos até o momento, e o Vasco ainda está buscando essa condição. Espero que seja um clássico de paz e muita harmonia”, torce Dorival Júnior, o treinador cruzmaltino.

Dia de clássico também no futebol paulista: o Corinthians de Ronaldo, que já tem condições de jogar os 90 minutos, enfrenta o motivado Santos, do jovem Neymar, promessa de apenas 17 anos de idade do clube da Vila Belmiro. O confronto será no Pacaembu. “Estou bem fisicamente, correndo bastante. Eu me sinto como um garotinho”, brincou o Fenômeno, que já marcou duas vezes desde que voltou aos campos, há pouco mais de duas semanas. Mas do outro lado estará o garoto Neymar, que vem encantando comentaristas e torcida com seu futebol objetivo, habilidade e gols.

A partida terá um sabor especial para o técnico Mano Menezes, do Timão: desde que chegou ao Parque São Jorge ele ainda não venceu um clássico e acredita que a hora chegou: em cinco jogos, desde o início de 2008, foram três empates e duas derrotas. “A vitória pode vir agora e isso será sinônimo de classificação”, afirmou. De fato, com 30 pontos, o Corinthians é o vice-líder da competição e o triunfo no clássico afastaria a ameaça do próprio Santos, que tem 27 pontos e é concorrente direto a uma das quatro vagas nas semifinais do Paulistão.