Dunga é considerado o nono melhor técnico do mundo

0
493

Especialistas destacam trabalho de treinadores de países sem expressão no futebol

Muitos consideram que o desempenho da seleção brasileira em 2008 ficou aquém do esperado e, como normalmente acontece no futebol, o técnico levou a culpa. A torcida exigiu a demissão de Dunga e, agora, uma votação feita pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol apontou que o treinador gaúcho é apenas o nono colocado da lista, ficando atrás dos comandantes de seleções menos expressivas no esporte, como Egito, Turquia e Paraguai.

A votação foi feita entre 87 especialistas de todo o mundo, e Dunga somou apenas 24 pontos. O vencedor da disputa, o espanhol Luis Aragonés – que comandou a seleção espanhola na conquista da Eurocopa de 2008 e agora está no Fenerbahce da Turquia – ficou com 252 pontos. O holandês Guus Hiddink, segundo colocado e técnico da Rússia, somou 145 pontos. Mais cotados que o brasileiro estão o técnico da Turquia, Fatih Terim, que terminou em terceiro lugar e os treinadores do Egito, Hassan Shehata, e do Paraguai, Gerardo Daniel Martino, respectivamente sexto e oitavo colocados.

A boa notícia para Dunga é que ele ficou à frente de renomados comandantes de futebol do mundo: Marcello Lippi, que comandou a seleção italiana no título da Copa do Mundo de 2006, terminou a eleição em décimo lugar, e o brasileiro Luiz Felipe Scolari, que se despediu da seleção portuguesa no ano passado e assumiu o Chelsea da Inglaterra, foi o 13º colocado, somando apenas 16 dos pontos dados pelos especialistas.