Estádio Superdome é reaberto em Nova Orleans

0
785

Uma multidão participou dos shows e da partida de futebol americano na cerimônia de reabertura

O estádio de futebol Superdome, que se tornou um símbolo do sofrimento em Nova Orleans durante o episódio do furacão Katrina, no ano passado, foi reaberto nesta segunda-feira.
Depois de passar por um trabalho de renovação, o estádio foi palco de uma partida de futebol americano entre o New Orleans Saints e o Atlanta Falcons, com ingressos esgotados.

A cerimônia teve ainda apresentações de bandas de rock, como U2 e Green Day.

O Superdome foi atingido pelo furacão Katrina em agosto de 2005. Na época, o teto do estádio foi arrancado pelo vento.

Quando o Katrina passou pela cidade americana, mais de 30 mil pessoas chegaram a se refugiar no estádio, onde permaneceram por quatro dias, sem água ou comida, até que o local fosse evacuado.

Investimento

Muitos pensavam que, depois do desastre, o prédio estaria condenado. No entando, foram investidos mais de US$ 180 milhões (quase R$ 400 milhões) na reforma.

Mesmo diante de algumas críticas pelo alto custo, a governadora da Louisiana, Kathleen Blanco, descreveu a obra como um símbolo vital da recuperação da cidade e do Estado.

“É exatamente disto que a cidade precisa”, disse Clara Donate, que perdeu sua casa e todos os seus bens com o Katrina, à agência de notícias AP, enquanto aguardava o jogo.

O New Orleans Saints havia jogado pela última vez no Superdome em 2005, dias antes da passagem do Katrina.

Na última temporada, o time foi obrigado a transferir seus jogos para outros estádios.