EUA socorrem o Citigroup

0
694

Tesouro vai injetar 20 bilhões de dólares para salvar o segundo maior banco do país

O governo dos Estados Unidos anunciou um plano de resgate para o Citigroup, o segundo maior banco do país, depois que as ações do grupo despencaram mais de 60% na semana passada. O governo vai comprar 20 bilhões de dólares em ações preferenciais do grupo, além de garantir até 306 bilhões de dóalres de empréstimos e títulos de alto risco da instituição financeira.
A verba virá do programa de resgate de 700 bilhões de dólares que o Congresso aprovou para ajudar o sistema financeiro. Em outubro, o grupo já havia recebido 25 bilhões de dóalres do pacote. Com os problemas se espalhando pelos bancos, os governos de todo o mundo têm intensificado seus esforços para conter a pior crise financeira em 80 anos.
O anúncio do pacote de resgate aconteceu após o acordo sobre garantias alcançado pelo Citigroup com o Departamento do Tesouro, o Federal Reserve (Fed) e a Corporação Federal de seguros sobre Depósitos (FDIC, agência de garantias de depósitos bancários). Em um comunicado conjunto, as três entidades federais anunciaram que pretendem dar ao ex-número um das finanças “proteção contra eventuais perdas inusitadas sobre um pacote de ativos por cerca de 306 bilhões de dólares em créditos e seguros”.