FARC libertam os últimos reféns

0
967

Grupo guerrilheiro decidiu entregar todos os reféns numa tentativa de abrir um diálogo com o governo colombiano

DA REDAÇÃO COM INFORMAÇÕES DA AP – Os policiais e militares libertados pelas FARC (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) chegaram a Bogotá, vindos da cidade de Villavicencio para se encontrarem com seus familiares. Estes colombianos que passaram mais de uma década no cativeiro – alguns desde 1998 e outros desde 1999 – serão submetidos a um exame médico para determinar seu estado de saúde.

Os dez libertados nesta segunda-feira (2) pelas FARC ao chegarem a Bogotá, receberam uam mensagem do presidente Juan Manuel Santos dando-lhes “as boas-vindas à liberdade”.

O grupo de seis policiais e quatro militares chegarou junto com a ex-senadora Piedad Córdoba, que havia partido um pouco antes de um ponto não revelado da selva colombiana para trazer o grupo de detidos.

Todos chegaram em um helicóptero da força aérea do Brasil com distintivos do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICR).
Vinham barbeados, com cabelos curtos e saudando aqueles que os aguardavam com os braços levantados e foram acompanhados por enfermeiros enquanto caminhavam pela pista até o terminal. Alguns carregavam a bandeira da Colômbia sobre seus ombros e saltavam alegremente na pista.

Em sua conta de Twitter, a ex-senadora Piedad Córdoba disse que, quando estavam a ponto de aterrisar em Villavicencio, os soldados estavam impacientes e quase queriam “pular” do helicóptero.