Governo da Flórida se prepara para Obamacare

0
503

O governador Rick Scott e membros do governo estadual reuniram no início da semana com o governo federal para dar início a fase 2013 de implantação do Obamacare. O encontro serviu para mostrar ao governador da Flórida que os números que ele e sua equipe apresentavam sobre os custos da expansão do Medicaid estavam errados.

Scott que passou o ano de 2012 criticando a nova lei, que vai expandir o sistema de saúde para quem não tem plano e obrigar todos a pagarem sua parte, teve que rever suas estatísticas. Segundo o governo federal, a lei sobre a saúde vai custar menos aos bolsos dos floridianos do que o anunciado.

Os números mostram que a expansão do Medicaid (plano subsidiado pelo governo federal e estadual para pessoas carentes) vai custar de $5.1 bilhões a $9 bilhões e não os $25.8 bilhões anunciados. Pela lei, o governo federal deve arcar com 90% desse valor. O benefício deve ajudar cerca de 1.2 milhões de pessoas na Flórida que não tem plano de saúde.