Heat abre 3 a 1 na série contra os Bulls

0
609

Time de Miami está a uma vitória da final da NBA

LeBron James, sempre ele. Com 35 pontos e uma atuação impecável na defesa, o astro do Miami Heat foi fundamental na vitória do seu time na quarta partida da final da Conferência Leste da NBA, a liga profissional de basquete dos Estados Unidos. O triunfo só foi alcançado na prorrogação e os 101 a 93 – depois de empate em 85 pontos no tempo normal – deixam o time da Flórida a uma vitória da finalíssima.
Desta vez, LeBron nem precisou da participação efetiva do outro fora-de-série de Miami. Dwyane Wade teve uma noite abaixo do normal e anotou apenas 14 pontos. Mas nem precisava mais… inspirado no ataque e fundamental na marcação do principal jogador adversário, Derrick Rose, LeBron mostrou que está muito próximo do seu objetivo pessoal: a conquista do título inédito da NBA.
O Miami já teve este gostinho, pois foi campeão há quatro anos. “Nós somos um time, ao contrário do que muitos acreditavam. E é na força do conjunto que pretendemos seguir adiante”, enfatizou Wade, que participou da campanha vitoriosa de 2006. O próximo jogo já é nesta quinta-feira, em Chicago, quando o Heat poderá fechar a série, com uma vitória.
No jogo da terça-feira à noite, outros destaques foram Chris Bosh (com 22 pontos) e Mike Miller, que mesmo saindo do banco de reservas fez 12 pontos e apanhou nove rebotes. Pelo time dos Bulls, Rose, terminou com 23 pontos, mas o melhor jogador da temporada na liga acabou decepcionando nos momentos decisivos – como no arremesso que poderia ter dado a vitória no tempo normal, a um segundo do fim.