Indocumentados caem no golpe de asilos no Canadá

0
603

A falta de uma reforma imigratória está provocando que muitos imigrantes indocumentados voltam suas atenções para o norte.

Um relatório publicado pelo The Miami Herald revelou que dezenas de indocumentados, sobretudo haitianos e mexicanos procedentes da Flórida e outros estados, de mala na mão, viajam para a fronteira norte dos Estados Unidos convencidos de que no Canadá poderão alcançar o sonho americano. Mas quando tentam cruzar se dão conta que a esperança era apenas um golpe no qual perderam US$400 por solicitação.

Segundo o jornal, o Centro Comunitário Haitiano Jerusalem, com sede na cidade de Naples, sul da Flórida, preenche solicitações de asilo no Canadá para indocumentados que não têm oportunidade de estabelecer-se nos Estados Unidos. Jacques Sinjuste, diretor do Centro, reconheceu que a página digital do centro havia divulgado que por US$400 por adulto e US$100 por criança preenche os formulários, mas que “tudo havia sido um grande mal-entendido”, disse.

Sinjuste garantiu que atualmente sua organização somente preenche solicitações de pessoas que vão a seu escritório e podem qualificar-se para um possível status de refugiado no Canadá. “Não estamos dizendo a ninguém que, se nos derem dinheiro, podemos garantir seu status de refugiado”, defendeu-se. “Simplemente preenchemos as solicitações e informamos sobre as condições necessárias para se qualificar.”

Mais tarde, os diretores do Centro negaram até mesmo estar preenchendo estes tipos de papéis. Para os advogados de imigração, o fracasso do debate imigratório no Congresso é a causa para “a proliferação dos golpes”. Há milhares de indocumentados com ordem de deportação final que perderam todos os processos para ver se revertiam os casos e que confiavam numa via de legalização. E agora estão vendo o que fazem, como vivem, e por isto são presas fáceis dos golpes.