Justiça estipula fiança de 20 mil dólares para pastora brasileira

0
507

Acusada de ter molestado sexualmente uma adolescente de 14 anos, a pastora da igreja brasileira Plenitude of God, Ana Paula Almeida, continua detida em uma prisão feminina de Framingham, Massachusetts, à espera do julgamento, que deve ocorrer em junho. O juiz da Corte estipulou em 20 mil dólares a fiança para que a ministra seja liberada.

A promotoria no caso disse que não há garantias de que a brasileira permaneça no país, mas os advogados de defesa de Ana Paula garantiram que ela quer provar sua inocência. Além disso, eles anunciaram que já entraram com um pedido de asilo político para permanecer nos Estados Unidos, cancelando o pedido de deportação voluntária que expiraria dentro de duas semanas.