Latinos representam 40% da população carcerária nos EUA

0
715

Os latinos, agora, são a maioria nas prisões federais nos Estados Unidos, revelou um estudo do Pew Research Center. O número é ainda mais surpreendente se levarmos em conta que, em 2007, a comunidade representava apenas 13% da população carcerária, mas no último ano responderam por mais de 35% de todas as detenções efetivadas no país. A razão é simples: os latinos foram os mais prejudicados pelo endurecimento das leis de imigração. Cerca de 48% dos detentos de origem hispânica estão atrás das grades respondem por crime ligados à imigração; o segundo crime mais cometido por latinos está ligado às drogas. “O sistema imigratório está hoje relacionado a crimes, com um alto custo para o sistema de justiça criminal, cortes, juízes, prisões e promotores”, disse Lucas Guttentag, um advogado da American Civil Liberties Union.