Mãe continua em busca do apoio da comunidade

0
472

A artista Naza tenta realizar um evento beneficente para ajudar filha

O evento que a artista Naza McFarren quer organizar para leiloar seus quadros ainda não tem data para começar. O apelo à comunidade brasileira foi feito há mais de uma semana e, segundo ela, várias pessoas entraram em contato pelo Facebook, mas por enquanto ninguém ou nenhuma instituição interessada em organizar o evento se apresentou. “Eu fico muito preocupada com minha filha, o que ela ganha não dá para ela comer”, conta a artista.

Sua filha, a brasileira Guiomar Silva, de 33 anos, mora em Los Angeles e foi diagnosticada há um ano com esclerodermia sistêmica. A doença começa na pele e a partir daí varia de desmaios, perda dos movimentos, alteração da pressão arterial e por fim ataca os órgãos vitais.

Sem plano de saúde, Guiomar vive com o que ganha em um emprego de meio período. A esperança das duas é a organização de um evento beneficente quando alguns quadros da artista poderão ser leiloados. O recurso iria para manter os medicamentos e algumas visitas médicas de Guiomar em Los Angeles. Ela mora na cidade porque a universidade local mantém um centro de pesquisa sobre a doença.

As duas também esperam que com as mudanças no sistema de saúde americano que, entram em vigor em 1º de janeiro de 2014, Guiomar consiga ser aceita por um plano de saúde e possa receber tratamento contínuo.