Mais emendas à reforma imigratória serão votadas hoje

0
810

Ontem foram aprovadas algumas alterações ao projeto, inclusive a redução de 400 para 200 mil o número de vistos temporários concedidos

Da redação
Várias emendas à Comprehensive Immigration Reform (lei número S.1348), estão pendentes e devem ser discutidas hoje, no plenário do Senado norte-americano. Entres elas estão medidas que podem instintuir punições severas para imigrantes envolvidos em gangs, grupos terroristas e outras atividades criminais (emenda número 1184) . (Acompanhe aqui o debate sobre a reforma ao vivo)
Outra emenda (número 1166) propõe que a revocação de vistos, por alguma forma de improbidade, não sejam submetidos a apreciação judicial. Em outras palavras, que os imigrantes não tenham direito a recurso jurídico caso o departamento de imigração resolvar cancelar seu visto.
A outra proposta a ser votada hoje (emenda número 1158) pede a facilitação de compartilhamento de informações, sobre os imigrantes, entre as autoridades policiais federais e locais.

Emendas aprovadas
Ontems, o Senado aprovou por maioria (74 votos contra 24), a emenda de autoria de Jeff Bingaman (D- New Mexico), que reduz de 400 mil para 200 mil o número de vistos para trabalhadores temporários concedidos, por ano. A alegação de Jeff é que a inserção de 400 mil trabalhadores, por ano, sobrecarregaria o mercado de trabalho.
Também foi aprovada a prisão mandatória dos imigrantes detidos ao entrar ilegalmente no país. A pena pode ser de 60 dias a 5 anos, sem direito a deportação após a segunda entrada ilegal no país. Ou seja, caso seja deportado e entrem novamente no país, os imigrantes estão sujeitos a cumprirem pena de 5 anos nos EUA, e só então ser deportado.
A proposta foi do senador Lindsey Graham (R – South Caroline).

Leia na íntegra o texto da Reforma Imigratória

Matérias Relacionadas
Reforma pode agregar o plano Dream Act

Senado mantêm o Guest Worker Program

Sistema de pontuação pode favorecer imigrantes asiáticos e da America do Sul