McDonald’s quer abrir filiais dentro de igrejas nos EUA

0
614

Com objetivo de atrair mais frequentadores pelo estômago, uma campanha de financiamento coletivo pretende atrair mais fiéis oferecendo hambúrgueres com fritas. O projeto McMissa (McMass, em inglês) quer levantar $1 milhão em contribuições pelo site Indiegogo para bancar a abertura de uma filial do McDonald’s em uma igreja.

“Combinando uma igreja com o McDonald’s nós podemos criar uma igreja popular, autossustentável e engajada com a comunidade”, diz o texto de apresentação do projeto, liderado por Paul Di Lucca, que trabalha na agência Lux Dei, especializada em criação de marcas para igrejas.

Segundo o projeto, apenas nos EUA, cerca de 3 milhões de pessoas deixam de frequentar igrejas por ano, e, em 2013, 10 mil paróquias fecharam as portas por aqui. Por outro lado, o McDonald’s serve 70 milhões de refeições todos os dias, atraindo 9 milhões de famílias aos restaurantes da rede.

Segundo Di Lucca, as igrejas são pontos ideais para a abertura de novas filiais da marca, já que elas precisam de uma fonte de renda para se sustentarem, precisam de público e são bem localizadas.

Até o momento, a campanha prevista para ser encerrada em 16 de janeiro de 2015 arrecadou meros $192. Em troca das contribuições, o projeto oferece brindes que vão desde um “Amém” — para doações de $ 1 — à colocação de um tijolo com o nome do doador em uma parede da primeira filial da McMissa — doações acima de $1 mil.