MEC irá aplicar testes de inglês em universidades federais

0
527

O Ministério da Educação (MEC) quer saber a quantas anda o conhecimento de inglês de professores e alunos de universidades federais do Brasil. Para isso irá aplicar 430 mil testes de certificação em inglês para alunos, professores e funcionários das universidades federais. O plano é fazer um diagnóstico da proficiência na língua na rede para subsidiar políticas de internacionalização, como o Ciência Sem Fronteiras (CsF). O MEC quer aplicar a primeira etapa entre 13 de maio e 9 de junho.

A convocação para a certificação ocorre ao mesmo tempo que um grupo de 110 bolsistas do Ciência sem Fronteiras começa a voltar do Canadá e da Austrália sem ter feito nenhuma atividade na universidade estrangeira. O retorno dos bolsistas, que ficaram seis meses nos países, foi revelada no início do mês pelo Estadão.

Segundo a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), eles não alcançaram o nível de fluência no inglês e não puderam iniciar as atividades nas faculdades.

Em uma primeira etapa, as universidades, que serão as responsáveis pela organização dos exames, deverão dar preferência aos alunos.
O teste será de nivelamento, mas os participantes poderão ser priorizados nas matrículas de cursos presenciais de inglês. O MEC sugere às instituições que as certificações possam ser contabilizadas como atividade extracurricular ou de extensão como forma de incentivo à participação dos estudantes.

O diagnóstico também servirá de base para alocação de recursos a partir de 2015. Um comunicado do governo, com data da última sexta-feira, chegou nesta semana às instituições de ensino, que devem fazer o cadastro e definir esquema de aplicação até o dia 6 de maio.