Menino queimado por adolescentes deixa a UTI

0
678

Segundo a família, Michael Brewer passa bem mas tem muitos pesadelos

Mais de 35 dias depois de escapar da morte, o adolescente Michael Brewer – que sofreu queimaduras depois de ter sido atacado por colegas da mesma idade – obteve outra vitória: ele finalmente deixou a Unidade de Tratamento Intensivo do Jackson Memorial Hospital. A família do garoto, porém, revelou que ele acorda sempre de madrugada gritando e assustado, pois tem constantes pesadelos de que a quase-tragédia está acontecendo novamente.

“Ele grita por socorro e nossa única providência é mostrar para ele que tudo não passa de um sonho ruim”, disse a avó do garoto, Reenie. Michael, de 15 anos, sofreu queimaduras graves em 65% do seu corpo depois que um grupo de meninos do mesmo condomínio jogou álcool e fogo nele por um desentendimento acerca de um videogame.

Os responsáveis pelo ataque estão sendo julgado como adultos e podem pegar até 25 anos de prisão se forem condenados. Apesar de ter saído da UTI, Michael, que mora em Deerfield Beach, ainda vai passar longos meses em recuperação no hospital e será submetido a algumas cirurgias.