Histórico

Mesmo expulso, Zidane é Bola de Ouro da Copa

Zinedine Zidane encerra a brilhante carreira como melhor jogador do Mundial 2006, apesar de seu comportamento anti-esportivo na final.

Mesmo com a lamentável cabeçada no peito de Materazzi que encerrou sua carreira, o meia Zinedine Zidane recebeu da Fifa a Bola de Ouro do Mundial da Alemanha como melhor jogador do torneio. A disputa foi apertada, mas Zizou acabou levando ligeira vantagem sobre os italianos Cannavaro e Pirlo, que ficaram com as bolas de prata e bronze, respectivamente.

Segundo a entidade máxima do futebol mundial, o camisa dez fez a diferença a partir das oitavas, quando justificou sua nomeação como maior desempenho individual do torneio.

“Se existe algo como perfeição no futebol, o maestro do meio-de-campo alcançou-a no combate das quartas-de-final contra o Brasil. Seus passes soberbos, fintas mágicas e inspiração o tempo todo levaram a França às semifinais, onde uma performance sólida e um pênalti clínico ajudaram Les Bleus a despacharem Portugal”, diz o site oficial da Copa.

Na tabela final, Zidane ficou com 2012 pontos, enquanto Cannavaro teve 1977. Pirlo completou o pódio, com 715 pontos. O prêmio já havia sido dado ao alemão Oliver Kahn (2002), aos brasileiros Ronaldo (98), Romário (94), ao italiano Salvatore ‘Totó’ Schillaci (90) e ao argentino Diego Armando Maradona (86).

Baixe nosso aplicativo