Música do filme ‘Rio’ é indicada para o Oscar

0
922

Por Tonia Elizabeth

Apesar de toda a torcida, o filme Tropa de Elite 2 não conseguiu ser indicado para o Oscar. Mas, nem por isso, o Brasil deixou de ser representado .

A música original “Real in Rio”, de Carlinhos Bown e Sergio Mendes concorre ao prêmio de melhor canção original no Oscar deste ano, o maior reconhecimento do cinema mundial.

“Real in Rio” faz parte da trilha original do filme “Rio”, dirigido pelo também brasileiro João Saldanha.

Alguns dos responsáveis por esse sucesso internacional falam com exclusividade ao AcheiUSA sobre a experiência de participar dessa música.

É uma honra ser indicado a um prêmio de tamanha importância.

Esse é um momento muito especial que consagra a parceria positiva com Sérgio Mendes. A indicação é o reconhecimento de um trabalho, são mais de 30 anos de carreira, diz Carlinhos Brown. Ele justifica o sucesso: A música é alegre, pulsante, ‘pra cima’. Ela traduz o espírito brasileiro e acho que isso é o que chama a atenção não só da Academia, mas do público.

A parceria não é de hoje: “Conheci Sérgio Mendes no final dos anos 80, quando começou a nossa parceria e gerou muitas músicas e discos. Trabalhar com ele é sempre um grande aprendizado e um prazer. Sergio Mendes é um brasileiro muito especial que nunca perdeu seu amor pelo Brasil”.

Kleber Jorge, guitarrista, compositor e cantor, revela: “Foi uma experiência maravilhosa ter participado do filme ‘Rio’. Este foi o segundo filme em que gravei tocando violão e cavaquinho…

Sendo que no ‘Rio’ tive muito mais trabalho Muitos dias indo ao estúdio… Tudo começou quase dois anos atrás, quando um
grupo de vocalistas foi convocado para ir ao estúdio e começar a gravação. Até então sem letra, só no lalala lalaiá.

Ele conta mais: Para mim, foi interessante o processo de gravar com o telão na sua frente, com as cenas do filme e, algumasvezes, a gente entra em cena também para se expressar melhor.

O diretor Carlos Saldanha estava presente acompanhando todas as gravações e muito focado em todos os detalhes, juntamente com os produtores Segio Mendes e John Powell.

Ter gravado foi uma honra, mas ter sido indicado para o Oscar foi mais incrível ainda. Não poderia esperar por isto… Esse foi o primeiro filme em que participei que teve uma indicação e espero que venha mais por aí Até o ‘Rio 2’!.

Rique Pantoja, músico brasileiro radicado em Los Angeles, que também participou do projeto, compartilha a emoção:
“Foi muito legal ter participado da trilha. Gravamos no estúdio do compositor cinematográfico John Powell, do Ice Age, Borne Identity, entre outros filmes. Na mesma sessão, estava o Sergio Mendes, como produtor, sua esposa Gracinha nos vocais, junto com Luciana Sousa , Rogerio Jardim, Kleber Jorge, Carla Hassett e eu.

Fizemos os vocais em cinco faixas e curtimos muito.

Foi uma alegria saber da indicação e certamente nos dá orgulho de ver a música com sabor brasileiro de novo nas manchetes musicais
do planeta.