Neymar desabafa: ‘Estou nem aí’

0
628

Atacante do Santos se irrita com postura dos torcedores brasileiros no Mineirão

Neymar

As vaias da torcida no fim do empate da Seleção Brasileira com o Chile no Mineirão, na noite de quarta-feira (24), não caíram bem para Neymar. O camisa 11, autor do segundo gol brazuca, desabafou sobre as constantes cobranças dos torcedores em relação ao desempenho do Brasil: “Não é bom receber vaias. Na verdade, estou nem aí para elas. Em todo lugar que vamos com a Seleção acabamos vaiados. Para quem está fora parece fácil, mas dentro de campo, sem entrosamento, é difícil. Temos é que nos acostumar com as vaias para entrarmos em campo com a cabeça tranquila”.

Ele foi o autor do segundo gol brasileiro, completando uma jogada muito bonita realizada entre Jadson, Ronaldinho, e Pato que rolou a bola para Neymar só escorar para dentro do gol. O Chile saiu na frente com um gol do zagueiro Gonzalez, mas o Brasil empatou com Rever, cabeceando a bola após cobrança de escanteio de Neymar. A seleção chilena chegou ao empate após Vargas acertar um belo chute da entrada da área, sem chances de defesa para Diego Cavalieri.

Apesar de ter sofrido uma pancada na perna, o atacante declarou que está pronto para entrar em campo no sábado, em jogo decisivo contra o Palmeiras, válido pelas quartas de final do Campeonato Paulista: “Acabei sentindo na última jogada, mas agora é descansar, fazer um gelinho porque sábado espero estar pronto para jogar”.

O volante Paulinho que, a exemplo de Neymar, jogou os 90 minutos, teve postura menos radical em relação às reclamações da torcida: “Já esperávamos as vaias, mas é nosso dever trazer o torcedor, o apoio da torcida para o nosso lado”.

Pato teve o mesmo discurso. O atacante do Corinthians declarou que a torcida até apoiou demais: “Seleção é assim. A torcida quer show, quando não vem acontece isso. Acho até que nos apoiaram”.