Nova atração turística de Miami já é chamada de “Torre Eiffel” por tamanho e imponência

0
1519

Prédio de 305 metros deve ser inaugurado em 2017. Entre as atrações estão o bungee jump e o elevador que despenca

DA REDAÇÃO COM REUTERS

“NovaMiami vai ganhar mais uma atração turística imponente, com a cara da “Magic City”, mas desta vez, com mais de 305 metros de altura. O prédio denominado “SkyRise” ficará localizado entre South Beach e Downtown, na Biscayne Bay. O audacioso projeto, que acaba de ser aprovado, já foi batizado de “Torre Eiffel de Miami” pela imprensa americana.

O novo ponto turístico vai oferecer diversas atrações para os seus visitantes. As pessoas que subirem poderão ter uma vista panorâmica da cidade, que inclui as praias e a região de Everglades. Além disso, o lugar terá um restaurante panorâmico luxuoso, discoteca, observatório, cinema giratório e duas atrações de parques de diversão. A primeira é um bungee jump, na qual visitantes poderão pular de cima do prédio, e a outra, chamada sky drop, é como um elevador que vai despencar 50 andares em queda livre.

A atração turística vai custar a bagatela de $400 milhões. O empresário que está financiando parte dos custos do projeto espera receber capital de investidores estrangeiros em especial chineses que, de olho no visto de investidores, podem estar dispostos a desembolsarem um bom dinheiro no projeto. Isso porque nos Estados Unidos existe uma lei de imigração que garante um Green Card para pessoas que investem entre $500 mil e $1 milhão no país. Com isso, elas teriam um visto de permanência e poderiam morar nos EUA. A construção deve começar ainda este ano, com previsão de término para 2017.

A construção será aberta nas laterais para que o edifício seja protegido contra ventos fortes e furacões. O projeto conta com o apoio de autoridades da cidade.

“O SkyRise vai se tornar a Torre Eiffel de Miami”, afirma o idealizador do projeto Jeff Berkowitz que estima uma visitação anual de 3,2 milhões de turistas.

O projeto tem sido estudado há três anos. Construtores e arquitetos fizeram diversos estudos, em especial, estruturais para garantir que a torre suporte ventos fortes.