Novos estádios de baseball e futebol agitam New York

0
406

Torcedores se tornam financistas dos empreendimentos dos times

Nenhum mercado americano viu algo tão ousado assim: duas equipes de beisebol e duas de futebol americano vão abrir três novos estádios, cerca de 30 quilômetros de distância um do outro, e tudo deverá estar pronto no último trimestre de 2010. Mas, embora os torcedores do Mets, Yankees, Giants e Jets estejam aguardando uma arquitetura moderníssima dos estádios, melhores ângulos de visão, espaços mais amplos e mais banheiros, alguns deles já vêm deparando com aumentos altíssimos no preço dos ingressos, numa fase de severa desaceleração econômica nos Estados Unidos.
Mesmo que as equipes estejam confiantes nas pesquisas de mercado, dando suporte aos aumentos, os detentores de assinaturas para a temporada dizem que o preço cobrado para os novos estádios, que custaram juntos quase quatro milhões de dólares, está fazendo com que eles se transformem em algo mais do que apenas torcedores. Eles estão começando a se sentir uma espécie de investidores da iniciativa e já perceberam que será muito caro assistir os jogos nos novos estádios.
Os ingressos para as melhores cadeiras no velho estádio dos Yankees (baseball) eram vendidos a mil dólares a temporada, enquanto que no novo estádio passarão a mais de 2.500 dólares. O mesmo acontecerá no CitiField, do Mets (também aseball), que de triplicar o preço dos tíquetes