Novos protestos levam 50 mil às ruas do Arizona

0
352

Manifestação contra lei polêmica tem participação de brasileiro

As ruas do Arizona, especialmente na capital, Phoenix, ficaram cheias de manifestantes no último fim de semana, protestando contra a polêmica lei que dá poderes à polícia local de deter imigrantes em caso de suspeita. Um dos participantes da passeata foi o brasileiro Felipe Matos, aquele mesmo do ‘Trail of Dreams’, que foi ao estado governado por Jan Brewer para chamar a atenção da sociedade para o problema dos indocumentados. No entanto, os protestos reuniram também milhares de pessoas favoráveis à nova legislação.

Decidimos vir para o Arizona porque este é o novo centro das atenções do país, infelizmente por causa do preconceito contra imigrantes e do racismo, disse Felipe, ao lado dos três amigos do Trail of Dreams. O grupo caminhou durante quatro dias pelos arredores da capital do estado e tentou uma audiência com o sheriff Joe Arpaio, do condado de Maricopa, conhecido pelas suas ideias antiimigrantes. Não tivemos sucesso nesse sentido, mas queríamos dizer a ele que somos seres humanos e merecemos ser tratados como tais, explicou o brasileiro, que não era o único do nosso país na passeata.

A lei SB 1070, que criminaliza a presença de indocumentados no Estado, só entrará em vigor no dia 29 de julho. Desde que foi sancionada pela governadora, em abril, a legislação mereceu críticas de várias partes do mundo. Pelo menos dez cidades americanas já anunciaram boicotes por causa da medida, cancelando negócios, viagens e eventos previamente agendados para o Arizona. Os críticos afirmam que a lei é discriminatória e vai afetar principalmente a população hispânica. Até o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pensou em contestar legalmente a lei, que fere os direitos mais elementares da dignidade humana.

Não há como negar, porém, que qualquer instrumento para deter a imigração ilegal no país ganha a simpatia de parcela da população, especialmente a mais conservadora. O argumento principal dos antiimigrantes é relativo ao aumento da criminalidade em áreas com muitos indocumentados, mas estudos já provaram que isso não acontece. O fato é que muitos estados pensam em adotar leis semelhantes à do Arizona inclusive a Flórida.