Obama destaca recuperação da economia norte-americana em State of the Union

0
1199

Ele disse que economia vem crescendo e criando postos de trabalho da forma mais contundente desde 1999

“”

DA REDAÇÃO – Em pronunciamento de State of the Union, direcionado à nação e transmitido pelas principais redes de TV na noite desta terça-feira (20), o presidente Barack Obama se referiu ao Congresso, pela primeira vez em seus dois mandatos ocupado por maioria republicana, por inúmeras vezes.

Dentre os tópicos abordados por Obama se destacaram a melhoria nos índices econômicos do país, a mudança na relação entre Estados Unidos e Cuba e o reforço na luta contra grupos terroristas como o ISIS.

No trecho em que se referiu à economia norte-americana, o presidente ressaltou a importância da classe média na recuperação do setor. Ele disse que a economia vem crescendo e criando postos de trabalho da forma mais contundente desde 1999.

“Nossa taxa de desemprego está agora mais baixa do que estava antes da crise. Mais de nossos jovens estão se formando em universidades. Mais de nosso povo está assegurado em termos de saúde”, disse.

Outros pontos abordados pelo presidente foram o aumento no salário mínimo, o direto de que trabalhadores sejam pagos mesmo durante licenças médicas e o corte de impostos para cuidados relacionados às crianças.

A questão da imigração não foi um ponto muito abordado pelo democrata em seu discurso. Ele se limitou a dizer que a reforma imigratória pode ser o alívio para milhões de imigrantes indocumentados no país. E disse, ainda, que ninguém se beneficia quando uma mãe trabalhadora é separada de seu filho. “É possível melhorar uma lei que confirmar nossa tradição como uma nação de imigrantes”, disse.

Ensino superior gratuito
Obama voltou também a mencionar o plano de oferecer dois anos de ensino superior em community colleges de forma gratuita para cidadãos selecionados pelo governo. O presidente afirmou que enviará ao Congresso um “novo plano para baixar o preço do estudo em community colleges para próximo do zero”.

De acordo com ele, 40% dos estudantes do ensino superior nos EUA vão a community colleges.

“Alguns deles são jovens e estão começando. Outros são mais velhos e estão em busca de um trabalho melhor. Outros são veteranos e pais solteiros, tentando fazer uma transição e retornar ao mercado de trabalho. Seja quem você for, esse plano é a sua chance de se formar para a nossa nova economia sem contrair dívidas por isso.”

Maioria republicana
Mesmo com o partido democrata em minoria no Congresso, Obama deixou claro que ainda lutará por aprovações e mudanças em seus dois últimos anos de presidência (ele governará os EUA até 2016).

O pronunciamento de State of the Union foi o sexto feito pelo presidente desde que assumiu a Casa Branca, em 2008, mas o primeiro realizado perante um congresso de maioria republicana.

“Se vamos ter discussões, as teremos, mas vamos torná-las debates dignos desse país”, disse Obama.